• Carol Dias

Halice FRS fala sobre o aguardado 'Borboleta Negra', primeiro romance da série Apple White


Os fãs de Edrick Bradley III finalmente poderão comemorar, pois “Borboleta Negra” está chegando em formato físico pela editora na Bienal do Rio. O romance de época conta a história do segundo barão de Westling, que se descobre atraído por Ashley Walker, jovem moradora da vila vizinha, que o rechaça logo que se conhecem. Conversamos com a Halice FRS sobre o livro e ela nos contou algumas curiosidades da trama.

Estrelas da Ler: Por que Inglaterra?

Halice FRS: Como sempre, escrevo as histórias como as imagino e foi assim que “Borboleta Negra” se apresentou — Inglaterra do século XIX. Mas tenho outro romance, curtinho (ainda guardado), ambientado parte do Brasil, parte na França. Escrevê-lo me deixou com vontade de ambientar um romance de época todinho aqui. Se a inspiração vier, ficarei feliz em escrever sobre o Brasil Imperial.

Estrelas da Ler: Finalmente seus leitores poderão ter em mãos “Borboleta Negra”. O que podemos esperar da nova edição?

Halice FRS: “Borboleta Negra” é praticamente uma saga, portanto foi preciso adaptá-la. As leitoras não sentirão falta de nada, está tudo lá, mas o texto está mais enxuto e dinâmico.

Estrelas da Ler: Romances de época requerem um trabalho de pesquisa extra e, muitas vezes, as informações sobre determinadas situações são bem restritas. Qual foi o trecho ou situação mais complicada de descrever no livro?

Halice FRS: Hoje posso dizer que fui feliz com as pesquisas. Consegui tudo que queria, mesmo que tardiamente. Explico: Quando escrevi BN me deparei com informações erradas que, consequentemente, me levaram ao erro. Agora, ao adaptar para a impressão descobri novas fontes que me permitiram corrigi-los. Quem já conhece a história notará a mudança, quem ler pela primeira vez, terá o texto correto. Sobre as cenas, nenhuma foi complicada de escrever, apenas teve um fato curioso durante as pesquisas quanto aos métodos contraceptivos da época. Em uma palavra, bizarros. Escolhi o que mais se assemelha aos atuais.

Estrelas da Ler: A nova capa do livro está incrível! Como foi esse processo?

Halice FRS: As novas capas são presentes de uma leitora, Gisely Fernandes, que se encantou pela história e se ofereceu para fazer a arte de toda a série. Fiquei muito feliz com o resultado e acho que todos irão gostar. Estão lindas!

Estrelas da Ler: Você tem alguma cena favorita? Como foi escrevê-la?

Halice FRS: Nossa! Minha cena favorita é um spoiler monstro. Para mim é a mais impactante, então contarei uma entre todas que gosto muito. Eles estão diante da casa, com Edrick em mangas de camisa, ensinando Ashley a cavalgar Luna. Ela, morta de vergonha por estar usando roupas masculinas, ele segurando a corda que prende a égua, enquanto esta dá voltas ao redor dele. Consigo “ver” a cena.

Estrelas da Ler: “Borboleta Negra” faz parte da série Apple White, que trará não só o segundo volume desta história, como também os romances “Cisne Azul” e “Rosa Escarlate”. O que podemos esperar dos próximos livros da série? Você já sabe quantos serão ao todo?

Halice FRS: Até segunda ordem serão apenas esses dois, contando a história das irmãs do barão e seus pares, Marguerite e Logan, Catarina e Henry. Em ambos, os acontecimentos fazem parte de uma cronologia anterior a história de “Borboleta Negra”, pois Edrick foi o último dos irmãos a se casar.

Fique atento às nossas redes sociais para mais notícias sobre o lançamento do livro. E se você vai à Bienal, não deixe de visitar nosso estande. Ele ficará na rua H, pavilhão Azul.

#Amor #curiosidades #Lançamento #mercadoeditorial #blogueiros #mulheresnaliteratura #autoresnacionais #HaliceFRS #destaque

122 visualizações

Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução da logomarca e de outras imagens sem autorização prévia da editora.